quarta-feira, 30 de março de 2011

LPS BRASIL QUER COMPRAR IMOBILIÁRIAS DO SUL ATÉ BRASÍLIA

A LPS Brasil ainda não saciou seu apetite por aquisições, mesmo tendo comprado sete empresas de consultoria imobiliária no ano passado. "O mercado pode esperar mais compras neste ano", afirma Marcello Leone, diretor financeiro da companhia.

A LPS Brasil atua no ramo de consultoria imobiliária com a marca Lopes , para lançamento de imóveis, e HabitCasa, para imóveis até 500.000 reais, entre outros.

Segundo Leone, o alvo para aquisições são corretoras que atuam no mercado de imóveis de terceiros no Sul do país, além dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal.

Sinergia

Além disso, as empresas em vista devem ser capazes de gerar vendas cujo tíquete médio de financiamento imobiliário seja de aproximadamente 275.000 reais. Esse valor é o que, em média, a CrediPronto, financeira do grupo criada em parceria com o Itaú em 2008, liberou para cada financiamento pedido no ano passado.

Como esse valor correspondeu, em média, a 62% do preço total do imóvel negociado. Isso significa um imóvel com valor total de pouco mais de 400.000 reais. "Queremos empresas que tenham sinergia com a CrediPronto", afirma Leone.

No ano passado, a LPS Brasil comprou a VNC, Maber, Plus, Local, Self e Ducati, todas focadas no mercado de imóveis de terceiros. Já no Rio, a companhia assumiu o controle da Patrimóvel. Neste início de 2011, a empresa já comprou duas concorrentes: a Thá, que atua no Sul do Brasil, e a paulista Erwin Maack.

Fonte: EXAME

Nenhum comentário: